"Quem luta, nem sempre ganha, mas quem não luta, perde sempre!"

 
Sábado, 1 de Janeiro de 2011
Porque hoje é o primeiro dia...

Porque hoje é o primeiro dia do ano de 2011.

 

Porque hoje é o primeiro dia de um ano que... vai trazer mais desemprego, mais dificuldades para as famílias, mais pobreza para muitos portugueses.

 

Porque hoje é o primeiro dia de um ano que... vai trazer mais lucros e mais riqueza para os donos do capital, os amigos do poder, os "boys" e outros parasitas da sociedade.

  

Porque hoje é o primeiro dia de um ano que... os serviços públicos, o estado social, os direitos laborais, os direitos humanos e de cidadania consagrados na Constituição da República, sofrerão novas "machadadas", com claros prejuizos para os trabalhadores e as classes mais desfavorecidas da sociedade.

 

Porque hoje é o primeiro dia de um ano em que... os trabalhadores e o povo terão que LUTAR contra uma política de ruína e empobrecimento do país, uma política de falsas inevitabilidades, uma política que visa objectivamente a acumulação de riqueza de alguns à custa do sacrifício de muitos - os mesmos de sempre.

 

Porque hoje é o primeiro dia do ano de 2011 e os Inti-Illimani foram, são e serão companheiros musicais e de luta, todos os dias.

(Em 2007, publiquei dois post´s sobre os Inti-Illimani aqui e aqui, no entanto não consegui encontrar na altura este momento do concerto. Encontrei-o agora e aqui fica.)

 

Porque hoje é o primeiro dia do ano de 2011, um ano que será inevitavelmente marcado por muitas lutas contra as injustiças sociais e laborais conduzidas por essas "aves de rapina" - que o mesmo é dizer: "os senhores do capital" -  e avalizadas, legalizadas e legisladas pelos seus "súbditos fieis" - que o mesmo é dizer: esta "corja bafienta" que vai (des)governando o país - vale a pena ouvir, sentir e entender estes companheiros de luta:

 

 

CANCIÓN FINAL (CANTATA DE SANTA MARIA DE IQUIQUE)

 

" Vocês que já escutaram
a história que foi contada
não continuem aí sentados
pensando que já passou.
Não basta só a memória,

o canto não bastará.
Não basta só o lamento,
olhemos a realidade.

  

Talvez amanhã
ou passado um tempo mais,
a história que escutaram
de novo acontecerá.
O Chile é um país tão grande
mil coisas podem acontecer
se não nos preparar-mos
decididos para lutar.
Temos razões puras,
temos pelo que lutar.
Temos as mãos duras,
temos com que ganhar.

 

Unamo-nos como irmãos
que ninguém nos vencerá.
Se querem escravizar-nos
jamais o poderão alcançar.
A terra será de todos
também será nosso o mar.
A justiça será para todos
e haverá também liberdade.
Lutemos pelos direitos
que todos devem ter.
Lutemos pelo que é nosso,
e de ninguém mais há-de ser. "

 

"O POVO UNIDO JAMAIS SERÁ VENCIDO"



publicado por vermelho vivo às 14:37
link do post | comentar | favorito

6 comentários:
De A Chispa ! a 1 de Janeiro de 2011 às 23:23
Esperamos que as suas previsões sobre as lutas a travar se concretizem.
Um Bom Ano e que todas as suas perspectivas se realizem.
Se quiser dar a sua opinião sobre o nosso anterior comentário, estaremos á sua inteira disposição.
Saudações Comunistas
A Chispa!


De vermelho vivo a 2 de Janeiro de 2011 às 13:14
Habitualmente, não respondo a comentários não identificados. Seguindo o link do comentário, ainda não percebi se não estarei perante uma fórmula de publicidade.


De A Chispa ! a 2 de Janeiro de 2011 às 14:37
Vermelho Vivo

A divulgação do nosso blog não deixa de ser uma das tarefas mais importantes que temos em mãos, particularmente dá-lo a conhecer aos comunistas e a todos quanto lutam contra as chagas sociais provocadas pelo sistema de exploração capitalista.

Mas também sabemos que não basta expormos as nossas opiniões e os nossos propósitos revolucionários, é preciso promovermos o diálogo e o debate em torno das várias propostas politicas que se dizem de luta contra o capitalismo e o imperialismo,por uma alternativa socialista proletária.

É neste sentido revolucionário que temos procurado comentar os seus textos e procurar estabelecer laços de amizade COMUNISTA independentemente dos nossos pontos de vista, entre os nossos dois Blogs.
Um abraço
A Chispa!


De vermelho vivo a 2 de Janeiro de 2011 às 18:17
1. A divergência de opiniões nunca me inibiu de responder ou debater ideias com quem quer que seja.
No entanto, por uma questão de princípio, (até porque, nunca até hoje escrevi ou comentei o que quer que fosse sem a devida identificação) gosto de saber com quem o faço.

2. Acabei por ir à procura de "achispa" e descobri um blog. Se é este blog que comenta aqui, continuo a não encontrar as razões para tanto secretismo.

3. "é preciso promovermos o diálogo e o debate em torno das várias propostas politicas que se dizem de luta contra o capitalismo e o imperialismo,por uma alternativa socialista proletária." Concordo, mas... a experiência histórica tem demonstrado que a aparente semelhança teórica e ideológica não é correpondida na prática política. No entanto, isto não impede (antes pelo contrário) a troca de opiniões. Tendo no entanto como príncipio saber quem está do outro lado.

5. Abrindo uma excepção:

Eu não falei na constituição aprovada mas sim, nos valores vinculados por Abril. Tal como diz, e bem, muitas das conquistas foram obra das grandes movimentações de massas que se seguiram ao 25 de Abril. Na minha opinião, distorce a realidade quando diz que o PCP criticou a movimentação de massas impedindo-a de ir mais longe. E aí teriamos que falar na postura de alguns movimentos "supostamente" de esquerda e se preocuparam mais em combater os comunistas e a construção de um estado socialista do que em contribuir para a solidificação dos valores da revolução.
A precipitação e o carácter anarca de algumas movimentações operárias, tal como o divisionismo provocado por essas forças, ajudaram em muito a que não fossem alcançados todos os objectivos vinculados após a revolução de Abril. E por aí teriamos que chegar à "infantilidade e vaidade inacreditáveis de Otelo" na postura do MRPP e dos durões barrosos que o integravam, etc. etc. Como é óbvio, passados 36 anos não vale apena ir por aí.

Quanto à luta de massas e ao internacionalismo proletário, estamos de acordo mas... o que está em cima da mesa são as eleições presidenciais. E aí, também a candidatura de Francisco Lopes se insere claramente nesta luta de massas. Francisco Lopes é a candidatura da RUPTURA exactamente porque é a condidatura da classe trabalhadora contra TODAS as outras candidaturas da classe capitalista.


De José Ribeiro a 2 de Janeiro de 2011 às 20:01
Boa tarde, a titulo de passeio encontrei o teu blog, em passeio mas também pelo necessidade de acalmar a minha anciã, revolta, raiva, cada vez maior em relação ao estado do nosso país, e da mentalidade deste povo. Sou delegado sindical, e membro da sub- comissão de trabalhadores, na empresa onde trabalho. Recentemente participei num acampamento/manifestação, á porta da empresa, que durou cerca de 15 dias (Youtube/ ctt acampamento). Escrevo pois chego a conclusões preocupantes, 1º O povo gosta de ditaduras. 2º O povo mais novo não conhece a história, e o mais velho esqueceu. 3º Esta ditadura capitalista não será derrotada com flores. Cumprimentos, José Ribeiro.
Nic name: magrico68
jrboavista@hotmail.com


De vermelho vivo a 4 de Janeiro de 2011 às 00:22
Efectivamente, João Ribeiro, não é com flores que esta ditadura capitalista pode ser derrotada. Essa derrota passa inevitávelmente pela luta de massas. E essa luta de massas só será consequente se estiver devidamente organizada e consciente dos objectivos a alcançar, caso contrário transformar-se-á numa luta e acção inconsequentes. A esta organização é indissociável o Partido Comunista Português, Partido de vanguarda da classe trabalhadora e a acção dos sindicatos, seus legítimos representantes.
O caminho não é fácil, mas luta continua. E é essa luta que um dia dará frutos.

Ainda bem que o passeio o trouxe atá aqui.
Apareça sempre.


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


posts recentes

Resistir!

Demissão!

A frase do dia

Festa da Fraternidade 201...

A Voz que Conta!

Fascismo. Cuidado eles an...

Ai Crato. Ai, Ai...

Álvaro Cunhal

O 10 de Junho

semelhanças...

arquivos

Outubro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Os meus hinos

 

 

 
Melhores adeptos do mundo