"Quem luta, nem sempre ganha, mas quem não luta, perde sempre!"

 
Sexta-feira, 11 de Janeiro de 2008
Hoje, a não perder

No Centro Cultural Vila Flor - Guimarães

"Os Contos Cubanos de Andersen"

 

Sexta-feira,

11 de Janeiro – 22h00

 
Os Contos Cubanos de Andersen

La Colmenita

Teatro Musical

Grande Auditório
 

Um grupo musical de crianças de Cuba reúne-se todos os dias para interpretar as canções da Trova Tradicional de Cuba, depois de terem descoberto um velho fonógrafo do Avô, com as canções de Matamoros, Sindo Garay, Ñico Saquito, etc.
Um dia pedem ao avô para fazer teatro. Para isso escolhem os contos mais conhecidos de Hans Christian Andersen em Cuba: O Patinho Feio, A Polegarzinha e O Fato Novo do Imperador, mas mantendo o fio condutor das canções da trova cubana que tanto as fascinam.
Espécie de homenagem dos descendentes desses grandes avós da Cultura Universal e Cubana: Andersen e os extraordinários trovadores que criaram a melhor música cubana de todos os tempos, que regressam nesta representação cantada, bailada e interpretada por crianças cubanas, ao mesmo tempo que vão contando e representando os Contos Imortais.

 

La Colmenita
Fundada em 1990 por Carlos Alberto Cremata Malberti, “La Colmenita” é a primeira companhia de teatro infantil de Cuba. Esta companhia tem-se caracterizado pelo desenvolvimento de programas e ateliers em diferentes áreas de Havana e em comunidades do interior de Cuba, com especial destaque para a integração de crianças e adolescentes com deficiências de todo tipo, permitindo uma melhoria substancial da sua auto-estima e das próprias doenças que sofrem.
A companhia tem apresentado os seus projectos por todo o mundo e o seu director foi reconhecido internacionalmente pelo importante trabalho desenvolvido. Em 2007, “La Colmenita” recebeu oficialmente o título de “Embaixadora de Boa Vontade da UNICEF”.
O grupo encontra-se actualmente numa digressão de intercâmbio cultural que terá lugar em Portugal durante o mês de Janeiro de 2008. A  representação que vem ao nosso país é composta por 22 crianças e 10 adultos que farão um percurso por 9 cidades portuguesas.

 

Direcção Artística e encenação Carlos Alberto Cremata Malberti
Guião Haydeé “Titi” Oltuski
Direcção de som Janet Rodriguez del Sol
Luzes, dramaturgia e cenografia Joaquín “Yoqui” Tornés
Figurinos Magaly Acosta
Produção Lupe Rey
Assistência de direcção María Cristina Leyva Feliciano
Coreografia Iraida Malberti
Direcção Musical Amaury Ramírez Malberti
Interpretação e música ao vivo Ana Laura Escalona, Andy Fornaris, Carolina Fernández, Claudia García, Claudia Martínez, Dania Monzón, Daniel Ramírez, Ernesto Escalona, Lía Vilaragut, Luis Manuel Iglesias, María Carla Cremata, Osmani Artidiello, Robertico Díaz, Rocio Calle, Sheila Fernández, Wendy de la Rosa e Ana Laura Vilaragut, Robertico Díaz López

 

Retirado do site a oficina



publicado por vermelho vivo às 00:52
link do post | comentar | favorito

3 comentários:
De POESIA-NO-POPULAR a 12 de Janeiro de 2008 às 12:34
É mais uma lição de cultura que Cuba, oferece ao mundo!
Aquí de Palmela enviu o meu abraço fraternal para todos, que tenham um bom espectáculo!
josé manangão


De fernando samuel a 12 de Janeiro de 2008 às 14:17
VIVA CUBA!

josé manangão, este grupo de Tetro cubano exibe-se hoje aí bem próximo de ti: na Moita.
Não percas a oportunidade de ir ver esse extraordinário espectáculo.
Abraços grandes para vermelho vivo e poesia-no-popular.


De vermelho vivo a 12 de Janeiro de 2008 às 18:27
Um espectáculo com classificação de 5 estrelas!
Além de uma interpretação de excelência, a vivacidade e a alegria com que decorre o espectáculo são extraordinários. Além de ser um espectáculo divertidissimo, é fenomenal a forma como estas crianças interpretam e cantam estes contos de Andersen. Não fosse a idade e diriamos que estavamos na presença de grandes profissionais cheios de experiência no teatro. Um pormenor: Uma pequena menina que sendo tão novinha ainda não desempenha um papel definido nas peças. No entanto, as suas aparições em cena, aparecendo e desaparecendo como quem não quer a coisa, acrescentam uma enorme graça ao espectáculo já de si extraordinário. Também a interactividade com o público, com os pequenos artistas a virem à plateia e "obrigarem" os presentes a cantar e a dançar com eles é um pormenor da maior relevância. Ou seja, o espectáculo não é só para assistir mas sim para participar.
Adorei! O melhor elogio que posso fazer é o de que quando o espectáculo terminou, nem me dei conta que o tempo passou. Queria mais! e mais!

Um espectáculo imperdivel!

Sendo um espectáculo baseado em contos infantis, não sei quem se diverte mais, se as crianças se os adultos.

Uma grande demonstração da qualidade cultural que se desenvolve em cubana.

Camarada Manangão, se os tens a actuar perto de ti, aconselho-te vivamente a não perderes. E podes divulgá-lo e recomendá-lo a quem quiseres pois para além de estes pequenos grandes artistas o merecerem, é um espectáculo com garantia de qualidade e diversão.
Terás ainda a oportunidade de ouvir e cantar no fecho do espectáculo a belissima canção: "Guantanamera".

Um abraço


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


posts recentes

Resistir!

Demissão!

A frase do dia

Festa da Fraternidade 201...

A Voz que Conta!

Fascismo. Cuidado eles an...

Ai Crato. Ai, Ai...

Álvaro Cunhal

O 10 de Junho

semelhanças...

arquivos

Outubro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Os meus hinos

 

 

 
Melhores adeptos do mundo