"Quem luta, nem sempre ganha, mas quem não luta, perde sempre!"

 
Quinta-feira, 20 de Março de 2008
Peões em Jogo

“Peões em Jogo” é mais um excelente filme Robert Redford.

 

As manipulações políticas, as relações promíscuas entre o poder e os média, o papel dos média no jogo político.

A educação na América, uma juventude cheia de incertezas no futuro, levando uns à desmotivação desperdiçando assim o seu potencial, outros ao alistamento nas forças armadas americanas como tentativa de saída para o futuro.

A guerra do Afeganistão, a luta pela sobrevivência nas montanhas afegãs e as mentiras dos políticos nos gabinete sobre o desenrolar desta guerra, a guerra como instrumento de sobrevivência política.

Tudo isto se encontra presente em “Peões em Jogo”.

Robert Redford, consegue de uma forma sublime, trazer à discussão um tema actualíssimo ao tocar na podridão da América de hoje.

Para além de um excelente argumento, três grandes actores, Robert Redford, Tom Cruise e Meryl Streep, enchem o ecrãn com excelentes interpretações.

Extraordinária a cena final em que o estudante está sentado no sofá a ver um programa na TV. O programa é interrompido abruptamente por uma "notícia de última hora". A notícia é o anúncio de divórcio de uma qualquer socialité, em roda pé e num plano secundário aparece a notícia de 2 soldados americanos (Arian e Ernest) mortos no Afeganistão. Um retrato perfeito do intencional conteúdo de interesse que os média procuram introduzir na sociedade, em detrimento da realidade. Sobre essa realidade não convém que os cidadãos se debrucem, como tal há que direccioná-los para outros entretenimentos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

“São no total 90 minutos de argumentação e discussão de ideias, com Robert Redford a transmitir segurança e experiencia no cargo de realizador, e o elenco a provar ser uma cartada de ases de copas, tudo superlativo e aparentemente sem falhas. Invulgar, alarmante, inteligente, complexo, Lions For Lambs é um drama poderoso deste final de época, claramente não será integrado na categoria de Melhor Filme dos Óscares, devido á sua catalogação de thriller político, mas é de facto dos melhores do ano.”

in: Boletim do Cineclube de Guimarães

Sem dúvida, um dos melhores filmes que vi ultimamente!



publicado por vermelho vivo às 23:58
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


posts recentes

Resistir!

Demissão!

A frase do dia

Festa da Fraternidade 201...

A Voz que Conta!

Fascismo. Cuidado eles an...

Ai Crato. Ai, Ai...

Álvaro Cunhal

O 10 de Junho

semelhanças...

arquivos

Outubro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Os meus hinos

 

 

 
Melhores adeptos do mundo