"Quem luta, nem sempre ganha, mas quem não luta, perde sempre!"

 
Sexta-feira, 12 de Janeiro de 2007
Incoerências

Orgulho-me de não conseguir enquadrar-me nesta transparência opaca que me é dada a conhecer das mais variadas formas e que por incrível que pareça ainda me consegue deixar espantado.

Depois de o Sr. Presidente da Junta de Freguesia de Caldelas pelo PSD ter divulgado que foi sondado pelo PS para encabeçar a sua lista nas próximas eleições passaram 15 dias, e até hoje desconheço uma reacção ou desmentido dos politícos Socialistas vimaranenses.
Este silêncio, a manter-se, tem um significado implícito, a sondagem existiu mesmo.

Dizer que isto é o cúmulo da pouca vergonha talvez não exprima totalmente o que realmente penso sobre esta abordagem dos Socialistas vimaranenses ao actual Presidente da Junta, mas fico-me por aqui.
Não que eu ache que o Sr. Presidente da Junta não justifique tal abordagem, essa abordagem é até legitima, ensinaram-me desde pequeno que “quem faz um cesto também faz um cento” e o passado é ilucidativo nesta matéria.
Mas hajam os mínimos, os Socialistas da nossa praça e os seus “amigos” de Guimarães tem tido uma postura de contestação acentuada aos procedimentos e à gestão deste executivo da Junta, o Sr. Presidente da Câmara tem disparado constantemente sobre o "Governador" das Taipas, o que raio se passa então para uma mudança de posição? São as criticas feitas até aqui que são hipócritas e no objectivo único de fazer política, ou têm andado enganados e afinal o Sr. Arquitecto até é o homem certo no lugar certo?
Teremos que esperar pelos próximos capítulos para saber a resposta.

O Sr. Presidente da Junta por sua vez, tem malhado constantemente na Câmara (e com isto ajuda a fazer a oposição do PSD na autarquia, preparando as próximas eleições) acusando-os de não cumprir o seu dever em relação às necessidades das Taipas, acusando-os inclusive de faltarem à palavra relativamente ao apoio financeiro para a restauração do coreto (exposto na Assembleia de Freguesia e na Rádio Fundação)
Mas será que os socialistas de Guimarães são masoquistas? Serão adeptos da atitude de “quanto mais me bates mais eu gosto de ti”? (por acaso até li isto num blog Taipense)

Na realidade, passa-me completamente ao largo a abordagem do PS e a aceitação ou não de tal repto pelo Sr. Presidente da Junta como acontecimento em si, mas enquanto cidadão atento e envolvido no movimento político, enquanto cidadão que não se move na política por interesses mas sim pela tentativa de contribuir para uma sociedade melhor, já não me passam ao largo os comportamentos pouco éticos de quem devia dar o exemplo de transparência e de seriedade política.

Estes procedimentos e outros procedimentos parecidos com este só reforçam o meu orgulho em ser Militante Comunista, no Partido em que milito, estas acrobacias não só são impraticáveis como são condenáveis, no Partido em que milito, não existem duas verdades opostas uma à outra, existe seriedade nas análises e uma opinião séria formada com base na realidade, no Partido em que milito, a transparência, a seriedade politica e a coerência não são obrigações, SÃO PRINCIPIOS!

Perante os factos e atrevendo-me a ser Juiz em causa própria, direi que é inegável que a grande força da oposição a este executivo da Junta é a CDU.
E é a principal oposição porque expressa as suas divergências efectivas com esta gestão e com os métodos de governação actual que passam essencialmente pelo exercício de um populismo preocupante, tentando desviar as atenções e arranjando desculpas para as falsas promessas exibidas na campanha eleitoral.

O meu Partido, disse ontem que as promessas feitas eram inóquas quanto à sua executabilidade, o meu Partido, disse ontem que Arqto. Constantino Veiga não tinha estatura política para assumir os destinos da Vila, o meu Partido, disse ontem que se as Taipas tinham razões de queixa (que tinham e tem), iriam ter muitas mais com a gestão do PSD. Passado este tempo, O meu partido mantém a sua opinião, agora ainda com mais certeza do que ontem.

A seriedade política demonstra efectivamente uma enorme distância entre o PCP e outras forças políticas.



publicado por vermelho vivo às 11:59
link do post | comentar | favorito

4 comentários:
De Anónimo a 12 de Janeiro de 2007 às 12:58
Caro Amigo, ontem (11.01.2007), em reunião de Câmara, o Dr. Bragança (um dos visados com a estória da falta de palavra na comparticipação das obras do coreto), negou que alguma vez tenha sido prometido à Junta de Caldelas o pagamento ou comparticipação no restauro do coreto e que essa foi uma obra efectuada sem prévia aprovação pela Câmara. O Vereador da CDU, Dr. Salgado Almeida, estava presente nesta reunião e pode confirmar isto mesmo.


De vermelho vivo a 14 de Janeiro de 2007 às 23:43
Caro amigo “anónimo”, julgo ser verdade que esta situação foi efectivamente desmentida em reunião de Câmara.
Parece-me no entanto que este desmentido vem reforçar a minha opinião, existe pouca transparência e seriedade política
na forma como que estes senhores se movimentam na busca de resultados eleitorais, pois o desmentido da abordagem
descrita ainda não apareceu. E nesse aspecto, tal como digo no post, sinto-me orgulhoso por ser comunista.
Quanto ao desmentido em si, prefiro não me pronunciar muito, alguém não fala verdade e alguém mentiu em sessões sérias
como são uma assembleia de freguesia ou uma reunião de câmara, no entanto acrescento que me apercebo que o actual presidente da Junta de
Caldelas também aposta forte na campanha da vitimização como fuga às responsabilidades que assumiu levianamente,
também sei que para que esse apoio fosse efectivo, ele teria que ser discutido em reunião de câmara, coisa que julgo saber nunca
ter acontecido.



De joaomaiacs a 12 de Janeiro de 2007 às 15:25
Alguém me disse um dia: "Se me disponibilizarem um lugar com possibilidades de eleição para a Câmara mudo de partido". Infelizmente existe quem mude de camisola sem esperar pelo intervalo. Orgulho-me do meu Partido prefere o prejuízo ao lucro da desonestidade. Não me estranha, por isso, que, cada vez que há eleições, apareçam artistas com camisolas mais reluzentes.


De CJ a 13 de Janeiro de 2007 às 13:29
É por actos como estes que vemos, que tipo de Socialistas são estes, que só querem é tacho e mais nada. Não importa como se ganha, o que importa é que se ganhe. Vamos ser verdadeiros e honrar as nossas ideologias, e acima nao ter medo de dar a cara pelo que acreditamos como melhor para as populações, e não para as carteiras de quem no caso do PS/PSD fica no puder a enxer o próprio bolso.


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


posts recentes

Resistir!

Demissão!

A frase do dia

Festa da Fraternidade 201...

A Voz que Conta!

Fascismo. Cuidado eles an...

Ai Crato. Ai, Ai...

Álvaro Cunhal

O 10 de Junho

semelhanças...

arquivos

Outubro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Os meus hinos

 

 

 
Melhores adeptos do mundo