"Quem luta, nem sempre ganha, mas quem não luta, perde sempre!"

 
Quinta-feira, 11 de Setembro de 2008
Comunicação social

Todos sabemos que uma boa parte dos órgãos de comunicação social são instrumentos ao serviço do poder dominante e do grande capital que, ao fim e ao cabo, são a mesma coisa. A sua ligação profunda e a perfeita coordenação de acções, não permitem sequer discernir onde acaba um e começa o outro.

Todos sabemos que essa instrumentalização acontece porque que os principais órgãos de comunicação social - e até chamados de referência - estão nas mãos do grande capital.

Todos sabemos ainda que os donos desses órgãos escolhem o director certo, que por sua vez escolhem os  jornalistas (ou jornaleiros?) apropriados e convidam os "fazedores de opinião" adequados para a dificil tarefa de emprenhar os leitores e ouvintes com as argumentações e contra-argumentações necessárias a cada momento, salvaguardando sempre os interesses do tal capital, ora defendendo as suas opções, ora atacando quem as põe em causa.

Temos assim, nesta convergência de interesses, uns fazendo o favor, outros pagando o favor, o controle e manipulação da informação que chega até nós. Relevando as notícias e temas convenientes, apagando as notícias e temas inconvenientes. Ou seja, direccionando os seus leitores e ouvintes para os temas e conteúdos "certos" e desta forma distraíndo-os e abstraíndo-os da verdadeira realidade.

Aliás, só este interesse na manipulação informativa explica a insólita história trazida a público há uns dias pela agência Lusa:

Rui Moreira, conhecido empresário nortenho, sondou Belmiro de Azevedo para comprar o jornal Público.
A proposta de compra rondava os 60 milhões de euros. Belmiro de Azevedo recusou a proposta.

Ora acontece que, ainda segundo a notícia da Lusa, o Público continua a apresentar resultados negativos. Parece que no ano de 2005 se ficou apenas e só!!! pelos 3, 19 milhões de euros, e em 2006 triplicou o negativo que passou a 10, 03 milhões de euros!!!

É caso para nos perguntar-mos: para que quererá Rui Moreira um jornal que dá prejuizo? O que levará Belmiro de Azevedo, um empresário sempre ávido de lucros, a recusar esta oferta e a manter-se dono de um negócio de grandes prejuizos?

 

Bem, mas isto tudo para dizer que sobre esta manipulação informativa e mais concretamente sobre a manipulação da cobertura da Festa do Avante, encontramos na blogosfera (que felizmente o poder dominante e o capital ainda não controlam) alguns textos que merecem uma leitura atenta.

Assim, aqui deixo links para alguns desses textos (estes foram os que tive oportunidade de ler, provavelmente haverá muitos mais):

 

http://cravodeabril.blogspot.com/2008/09/gato-escondido.html

 

http://imperiobarbaro.blogspot.com/2008/09/o-medo.html

 

http://tempodascerejas.blogspot.com/2008/09/glrias-do-jornalismo-portugus.html#links

 

http://xatoo.blogspot.com/2008/09/festa-do-avante-2008.html



publicado por vermelho vivo às 00:25
link do post | comentar | favorito

4 comentários:
De POESIA-NO-POPULAR a 11 de Setembro de 2008 às 17:04
Eles não têm pingo de vergonha, mentem descaradamente, sem o minimo de respeito pela pessoa e pelos direitos humanos.
São autenticos terroristas da informação!
Abraço


De José Manuel Faria a 12 de Setembro de 2008 às 14:08
Já em 2001 ( conferência nacional) Casanova dizia que o único jornal decente era o Avante todos os outros estavam ao serviço do capital.

Se o PCP defende a luta de classes não percebo a admiração do PCP nas notícias do dn , público e afins. Eles pertencem a outras classes não há da classe operária!


De Tonho Ze a 12 de Setembro de 2008 às 23:55
Aqueles que fizeram o 11 Setembro 1973 no Chile são os mesmos que fizeram o 11 Setembro na América para que esta data ficasse na historia e esquecesse o 11 Setembro no Chile. Mas a verdade mais tarde ou cedo sabe-se. Os americanos que soltem os cinco heróis cubanos que t^em presos inocentemente, isto as "nossas rádios , televisões e jornais" não dizem nada.


De vermelho vivo a 14 de Setembro de 2008 às 00:37
Camarada Manangão:
Tal como dizes, são terroristas da informação.

JMF:
Já por aqui abordamos essa questão. O comentário que fiz nessa altura continua a ser válido para agora.

Tonho Zé:
E são os mesmos que tentaram fazer o mesmo na Venezuela em 2003 e os mesmos que estão agora usar os mesmos métodos na Bolívia.

Um abraço a todos


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


posts recentes

Resistir!

Demissão!

A frase do dia

Festa da Fraternidade 201...

A Voz que Conta!

Fascismo. Cuidado eles an...

Ai Crato. Ai, Ai...

Álvaro Cunhal

O 10 de Junho

semelhanças...

arquivos

Outubro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Os meus hinos

 

 

 
Melhores adeptos do mundo