"Quem luta, nem sempre ganha, mas quem não luta, perde sempre!"

 
Terça-feira, 21 de Abril de 2009
Conspirações... ou talvez não (II)

continuação do texto anterior

 

Prosseguindo na tese conspirativa iniciada no post anterior, na esperança de que ela me conduzisse a uma conclusão sobre a identidade “não identificada” dos jovens do "amor às Taipas", interroguei-me:
E se ao invés da primeira hipótese, foram os “jovens” do PS a infiltrarem-se neste nobre “grupo de Amor às Taipas”?

Bem, neste caso considero que estaremos perante uma golpada de muito baixo nível por parte dos jovens partidários da Rosa.

Sim, porque não acho nada ético que os "Boys" do PS se mascarem de nobres paladinos do amor às Taipas e se infiltrem no meio de um grupo de jovens bem intencionados da nossa vila para dessa forma esconderem a sua familiariedade com o PS e o Sr. Presidente da Câmara.

Bem... Também seria uma finta de técnica apurada. Só que neste caso os driblados seriam os taipenses.

Por outro lado pensei:

Mas que diabo! O que levaria estes jovens políticos de grande futuro pela frente, quer político quer de carreira (sim. não estivessem eles na cor certa para tal) a enverdar por tal atitude?

É que sinceramente, não vejo grandes razões para estes jovens abençoados pelo poder da Rosa esconderem a paternidade política da sua candidatura.

Bem pelo contrário! Têm todos os motivos para se orgulharem da política levada a cabo pelos seus patronos.

Senão vejamos:

A política claramente descentralizadora praticada pelo poder Socialista instalado no Convento de Santa Clara no que respeita às Taipas, não é mais nem menos que a política claramente descentralizadora praticada para todas as outras freguesias.

Aliás, esta real política descentralizadora levou até um comentarista do Reflexodigital a escrever de forma esclarecedora: “...O Srº António de Olivera Magalhães, que tem feito um trabalho notável em Guimarães e também em Guimarães e não nos devemos esquecer do excelente trabalho realizado em Guimarães...”.
Mais esclarecedor que isto é dificil.

Assim, como pode depreender-se desta avaliação, que eu considero correcta, tem sido de isenção, igualdade e imparcialidade para com todas as freguesias do concelho a política praticada pelo PS vimaranense - bem... Talvez algumas sejam mais iguais que outras um pouquinho. Mas as excepções têm uma razão lógica e fundamentada para acontecerem. São uma consequência directa das tradicionais negociações com vista à mutação de cor de alguns presidentes de junta e os custos do respectivo tingimento cor-de-rosa. Compreensivelvente estas coisas têm o seu preço e obrigam a abrir um pouco mais a bolsa camarária. Mas claro que tudo isto é inquestionavelmente compreensivel à luz dos inequívocos e indesmentíveis interesses do concelho e das populações.

Pintar o mapa das freguesias do concelho em tons cor-de-rosa é do maior interesse das populações! Só não vê quem não quer! E fazer política de terra queimada em algumas freguesias estratégicas onde existam presidentes que se recusem a aderir à moda das mutações, é uma atitude da mais elementar justiça e fundamentada nos melhores principios e procedimentos democráticos! Além do mais, também estas atitudes são sempre no mais profundo, e único, interesse do concelho e destas populações, claro está!

Grande motivo de orgulho destes jovens socialistas das Taipas, devia ser também o grande e indesmentível contributo no combate ao desemprego prestado pela Câmara e pelo PS vimaranense.
Bem... Eu sei o que dizem as más linguas. Que estes inúmeros empregos e cargos só estão disponiveis para quem tenha queda para tratar muito bem de flores, nomeadamente rosas. Que com este contributo ao desemprego se garantem muitas dependências e lealdades. Que só tem tem acesso a estes postos de trabalho quem for portador de um certo cartão que dizem ser também cor-de-rosa, tal e coisa e vice versa... Enfim. O que estas más linguas querem dizer é que o poder rosa que manda em Guimarães é uma enorme panela com testos e tachos para todos os gostos. Mas claro que isto são apenas as más-linguas a falar. Cá para mim, cá para mim, é mais dor de cotovelo do que outra coisa qualquer. Vou lá acreditar numa coisa dessas... Aliás, ditos destes só podem mesmo ser oriundos de mentes perversas e corroídas de inveja. E depois, mesmo que tal fosse verdade, considero esse facto um pormenor totalmente irrelevante. Relevante, relevante, isso sim é a política de combate ao desemprego praticada pela Câmara e pelo PS vimaranense. E isso deve ser um grande motivo de orgulho para estes jovens da rosa.
Como tal...

Bem, o que eu quero dizer é que efectivamente não percebo! Ou melhor, definitivamente, não percebo!...
Estes jovens que deviam ter um orgulho imenso na paternidade política da sua candidatura, e até no seu partido instalado no governo da república, optam antes por se camuflarem de nobres paladinos do amor às Taipas e servem-se de um grupo de jovens apartidários e bem intencionados para tentarem chegar à Junta das Taipas.

E depois, na política como na vida, coerência é coerência!... Para o melhor e para o pior! Ou não é assim?
Se são candidatos do PS, deviam integrar uma candidatura do PS! Ou não é assim?

 

Resumindo: Há coisas que eu não entendo mesmo. Coisas que me deixam assim como que... Estupefacto!

Imaginem os leitores deste texto que fiquei com tantas dúvidas, tantas dúvidas... Ao ponto de já nem saber se vamos ter uma candidatura do PS com independentes ou uma lista de Independentes com “boys” do PS nas próximas eleições para a Junta das Taipas.

 

Como diria o “Gasparinho”: Ele há cada coisa!...



publicado por vermelho vivo às 19:22
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


posts recentes

Resistir!

Demissão!

A frase do dia

Festa da Fraternidade 201...

A Voz que Conta!

Fascismo. Cuidado eles an...

Ai Crato. Ai, Ai...

Álvaro Cunhal

O 10 de Junho

semelhanças...

arquivos

Outubro 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Os meus hinos

 

 

 
Melhores adeptos do mundo